Taquari, 22 de Janeiro de 2018
NOTÍCIAS
05/01/2018
Prefeitura e Elmo Eletro Montagens assinam contrato para reforma do Idesc

Um solenidade na Câmara de Vereadores, na tarde de ontem, marcou a assinatura do contrato entre a Prefeitura de Taquari e a Elmo Eletro Montagens Ltda, empresa que realizará a reforma do prédio do antigo Idesc/Seminário Seráfico. Dezenas de pessoas acompanharam o ato.
Durante a solenidade, o Prefeito Maneco destacou a importância da obra para o município. Depois de concluída a reforma, as instalações serão cedidas a Zanc Assessoria de Cobrança, que deve colocar um call center em Taquari. “Estamos aqui confirmando todo este trabalho para trazer para Taquari algo que vai transformar imediatamente a vida da cidade a partir do início das operações da Zanc. A última empresa grande que se instalou em Taquari foi a Mita, em 1999, na época do Prefeito Namir”, destacou Maneco.
A ideia é que a obra seja concluída neste ano e que a empresa inicie as operações ainda em 2018. Inicialmente devem ser contratados cerca de 400 funcionários. Posteriormente, o número de empregos deve aumentar para uma média mensal, mínima, de 600 postos de trabalho formal. Para o prefeito Maneco, não faltará mão de obra para o call center. “O povo de Taquari é muito trabalhador. Tem gente que acorda às 4h da manhã e sai para trabalhar fora, em frigorífico a 20º, 30º abaixo de zero, para ganhar menos do que vão ganhar na Zanc e para trabalhar muito mais. A Zanc tem um salário compatível com a função, o básico é mil e poucos reais, tem comissão, o turno é de seis horas por dia. Então todo funcionário da Zanc vai poder estudar, fazer faculdade se quiser”, anuncia o prefeito.
Segundo Maneco, durante a obra de reforma do Idesc, será realizado o treinamento de pessoas que poderão atuar no call center. A intenção é que, assim que seja concluída a obra, no outro dia iniciem as operações da empresa, já com funcionários treinados. Antes mesmo da conclusão da reforma do prédio do Idesc, a Zanc deve se instalar em uma sala no Centro de Taquari para começar a se preparar para iniciar as operações no município.
 
Reforma terá mão de obra local
 
O diretor da Elmo Eletro Montagens, André Lopes Santana, disse a O Fato Novo que a obra deve iniciar em cerca de 15 dias e serão contratados funcionários de Taquari para a reforma.  “90% da mão de obra será local, entre 20 e 30 profissionais locais, como servente, pedreiro, eletricista”, disse o diretor. A empresa tem de oito a dez meses para concluir a reforma.
Segundo André, a Elmo Eletro Montagens existe há 43 anos, tendo iniciado as atividades no Rio Grande do Sul. Há cerca de 15 anos, a matriz da empresa acabou sendo transferida para São Paulo, em função do volume de contratos para fora do estado. “A gente faz bastante obra. Hoje em dia o nosso faturamente é maior fora do Rio Grande do Sul. Estamos com 13 contratatos em andamento, tudo obra de porte, subestações, grandes reformas, infraestrutura em geral”, explicou.
 
Obra custará R$ 6,4 milhões
 
A empresa cobrará R$ 6.419.995,00 para realizar a reforma, incluindo o material e a mão de obra do serviço. A Prefeitura pagará a obra de forma parcelada, em 48 prestações mensais, acrescidas da taxa de juros, que não poderá ser superior a 12% ao ano, calculadas pela tabela Sistema de Amortização Constante (SAC) e corrigidas mensalmente pelo Índice de Preços ao Consumidor (IPCA), a incidir sobre o saldo devedor. Com os juros, o valor da obra será de R$ 7.912.486,07. As parcelas serão de cerca de R$ 200 mil mensais.
Segundo o Prefeito Maneco, como não há isenção de impostos para a Zanc, quando a empresa estiver em plena operação, o retorno do imposto gerado pelo call center praticamente se igualará à parcela devida a Elmo Eletro Montagens.
 
Saiba mais
 
Quando a reforma do prédio do antigo Idesc/Seminário Seráfico estiver concluída, as instalações serão cedidas à Zanc Assessoria de Cobrança, que instalará um call center no local. O empreendimento deve gerar uma média mensal de 600 empregos diretos no município. A empresa também deve contratar prioritariamente mão de obra e serviços diretos e indiretos no município de Taquari; firmar convênio com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) para viabilizar descontos em folha para compras de funcionários no coméricio local e recuperar e conservar, de acordo com projeto elaborado pela Prefeitura, a Praça Dom Pedro II, localizada no Bairro Praia.
Se todos esses compromissos forem mantidos, em 10 anos, a Administração Municipal doará o prédio à Zanc Assessoria de Cobrança.
 
 

VÍDEO

No dia 16 de maio, um bugio que estava no Bairro Praia teve um choque ao deitar-se sobre os fios de energia elétrica. Ele caiu dos cabos da rede e foi socorrido por pessoas que estavam nas proximidades, entre elas, o agricultor Seloí Lang, conhecido por Nego do Rincão, que fez massagem e assoprou sua boca.

mais vídeos

 
CLIMA
 
EDIÇÕES
Contato
(51) 3653.3795
(51) 3653.4719
(51) 9861.6358

Copyright © Jornal O Fato Novo 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por