Taquari, 18 de Novembro de 2018
NOTÍCIAS
12/01/2018
Taquari volta a ficar sem bombeiros

Mais uma vez o quartel do Corpo de Bombeiros de Taquari está fechado. A informação é do sargento comandante da região, Adriano Camargo Lopes. 
Neste período, conforme o sargento, uma pessoa ficará no quartel para atender as ocorrências. “Sempre vai ter alguém no quartel. Só que depende das guarnições de outros lugares. Montenegro, por exemplo, está atendendo. Então, o servidor que fica no quartel [de Taquari] vai redirecionar os atendimentos e acionar o Corpo de Bombeiros mais próximo”, explica.
O sargento informou à reportagem que a situação está assim há dois meses. Assim como nas outras ocasiões em que o quartel ficou temporariamente fechado, a falta de efetivo e de horas-extras dificulta as atividades dos bombeiros.
“É complicado. Não temos horas-extras e o efetivo que temos aí é o mínimo. O máximo que eu consigo fazer é abrir um dia e ficar fechado três”, afirma Camargo. “Estamos tentando reanimar o quartel, mas está difícil.”
O Corpo de Bombeiros de Taquari está tendo dificuldade para permanecer aberto desde maio do ano passado. Na ocasião, o quartel ficou fechado por mais de vinte dias e só foi reaberto graças a liberação de horas-extras. 
Dois meses depois, representantes da Prefeitura Municipal e da Câmara de Vereadores de Taquari e Tabaí foram até Porto Alegre para conversar com o secretário de Segurança Pública, Cezar Schirmer, sobre a situação do Corpo de Bombeiros de Taquari. Schirmer garantiu que o quartel não seria fechado.
Porém, apesar das promessas, o quartel passou por dificuldades para funcionar integralmente devido à falta de horas extras e de efetivo. 
 
Mobilização política
 
Uma nova turma será formada no final de fevereiro. Mas, para que o efetivo de Taquari aumente, o sargento Camargo propõe que a comunidade e as forças políticas locais se mobilizem. “É uma boa hora para os políticos se mobilizarem.”
 
Bombeiros voluntários poderão ajudar na reativação
 
Para contornar a situação, o sargento Camargo decidiu realizar o 2º Curso de Bombeiros Voluntários de Taquari, que iniciou na sexta-feira da semana passada, dia 5.  “Estamos fazendo o curso de bombeiros voluntários justamente para tentarmos, após a formação desse pessoal, retomar as atividades”, disse.
Ao todo, 35 alunos se inscreveram para o curso, que acontece na E.M.E.F. La Salle durante os finais de semana. Entretanto, o Sargento não acredita que todos os alunos concluirão o curso. “Eu espero formar pelo menos quinze. Porque hoje temos poucos voluntários que atuam.”
 

VÍDEO

No dia 16 de maio, um bugio que estava no Bairro Praia teve um choque ao deitar-se sobre os fios de energia elétrica. Ele caiu dos cabos da rede e foi socorrido por pessoas que estavam nas proximidades, entre elas, o agricultor Seloí Lang, conhecido por Nego do Rincão, que fez massagem e assoprou sua boca.

mais vídeos

 
CLIMA
 
EDIÇÕES
Contato
(51) 3653.3795
(51) 3653.4719
(51) 9861.6358

Copyright © Jornal O Fato Novo 2013. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por